Arquivo da categoria ‘Os Criminosos

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

Manifesto de repulsa.

Pois é…

Mais uma vez a ‘Franco Maçonaria’ tupiniquim da qual fazem parte todos os ‘POLITICOS, MILITARES, REIS EMPRESÁRIOS, LARÁPIOS, DESTE PAÍS, ENTRE ELES O Grão Mestre, MOR DO PMDB MICHEL TEMER, VEM A PÚBLICO APRESENTAR ESSE SER ABJETO, SALAFRÁRIO, PILANTRA, LADRÃO DOS BENS PÚBLICO E PRIVADO, ALCOÓLATRA QUE TEM ENTRE SEUS ASSECLAS OS JAGUNÇOS E, INTEGRANTES DE SUA PRÓPRIA FAMILIA.

Eu sempre disse aos meus amigos do Rio de Janeiro, que costumam fazer passeata de protesto na linda orla da zona sul, como os paulistas que vão desfilar na Av Paulista, não é esse o caminho. Não é essa atitude a ser tomada neste presente MOMENTO. O Caminho certo é Brasília. Já passou mais da hora de fazermos o uso do exercício da própria razão que se for considerado o eufemismo, É PORRADA NESSES CALHORDAS. Vamos lá.

Quem está postando é um brasileiro indignado que serviu a sua Querida PÁTRIA, que ao longo dos 78 anos vividos honrou o nome que o meu querido pai me agraciou. Já tive oportunidade de vidas através do meu trabalho, se Alegrarem e outras, salvar.

Aqui, não é nenhum fanfarrão que está se manifestando, injuriado.

Apesar do meu ‘Marca Passo’ recentemente implantado tenho disposição para o confronto.

Não sou apaniguado por nenhum desses malditos. Não estou sentado em sofás de cassinos de oficiais brincando de real defensor dos direitos constituídos.

O escárnio, à bofetada que nos afronta diariamente, não pode mais acontecer.

A Lei? Ora serve apenas para enriquecer alguns advogados. As cadeias estão repletas de Zés ruelas, como dizia o brilhante antropólogo Darcy Ribeiro ‘os filhos de ninguém’, enquanto esses canalhas passeiam escoltados por seus serviçais milicos a paisana.

Vamos lã cambada, vão querer me processar? Não tenho medo.

É preciso impedir que essa pantomina seja levada a frente. Vamos que Vamos.

São Paulo, 15 /03 /2016.

José Heitor da Costa.

<Escritor, Diretor De Televisão, Radialista, Jornalista, Cineasta Documentarista, Fundador e Vice-Presidente da Revista jhcMídiaDigital, Fundador e Preasidente émerito  da ‘The Order of The Thinking Heads”- ou, pela forma “A Ordem das Cabeças Pensantes.>

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

pinguço 2

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

fazer mural [cartunista Alpino] Corregedoria vai Investigar Juízes OS fazer TJ-SP http://bit.ly/GCJ6x1 Encargos fazer cartunista Alpino

Cabeças Pensantes atentem e vigiem

Pesadelos

Penélope revirava-se na cama. Parecia estar tendo sonhos estranhos. Apesar de havermos passado um domingo maravilhoso na praia, o cansaço proveniente dessa jornada, não era suficiente para garantir a Penélope um sono relaxado e tranqüilo, ao contrário, agitado em momentos, de forma estranha, como estivesse envolvida em uma luta, debatia-se e, proferia palavras ininteligíveis.

Resolvo acordá-la. Transpirava muito, seu pijama estava molhado de suor, logo trocado por outra peça mais leve e fresca. Dou-lhe um copo com água. Pergunto-lhe se estava tendo pesadelo, ela responde que sim, um horrível pesadelo, enfatiza o fato. Em seguida me abraça e começa contar: -querido eu parecia estar em um lugar escuro tomado por um intenso nevoeiro, a temperatura ambiente, ora era quente, repentinamente ficava fria, as pessoas andavam com seus braços erguidos como estivessem esperando alguma coisa vir a ter em suas mãos. Mais adiante outro grupo andava em círculos, – sem destino-, com suas cabeças baixas, olhares fixos nos chãos tristes e envergonhados. Pareciam aguardar alguma mudança. Mais próximo desse grupo, havia algumas pessoas, todas bem vestidas, em meio a várias montanhas de dinheiro. Elas pareciam alegres, vibravam e se abraçavam entre si. Vi também outro grupo, todos se vestiam iguais e, logo cercaram aqueles que tentavam fugir entre as montanhas de cédulas de dinheiro. Então teve inicio uma feroz batalha. Uma pessoa pertencente ao grupo que tem o poder nas mãos é presa e, logo levada à presença de um homem com aparência austera que imediatamente decreta sua prisão baseado na realidade mutante.

Então querido, foi nesse momento que o pior do pesadelo aconteceu: uma terrível explosão dantesca, ocorreu, provocando uma intensa escuridão. Passado alguns segundos, figuras de aspectos sinistros surgem. Todas vestem longas capas pretas. Trazem em suas mãos um livro com todas as leis que regem o mundo profano. Eles cavalgam em jegues. O que parecia ser o líder desse grupo abre o livro que carrega na página onde está escrito: “A IMUTABILIDADE DA LEI”. Neste momento todos os outros apeiam de suas montarias prostando-se de joelhos, – inclusive os jegues-, diante de esse ser superior, o reverenciam.

Agora o grupo que estava escondido entre as montanhas de cédulas de dinheiro e, que não foram presos, se agita novamente, cantam e dançam, e comemoram gritando loas a esse supremo chefe.

No meio dessa confusão o grupo que havia prendido um daqueles de colarinho branco, é preso. São acusados de praticarem justiça de exceção. Querido foi nesse trecho que você me acordou. Terrível não é?

–Querida, esse tipo de pesadelo aflige a todas as pessoas iguais a mim, e a você. Nós fazemos parte de um grupo que está por vir, na parte final desse seu, nosso pesadelo. Procure dormir. Logo virá um novo dia.

— Logo estarei de volta.-

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

Cabeças Pensantes atentem e vigiem

Apostas desportivas online:

A maneira mais fácil de lavagem de dinheiro.

As apostas desportivas movimentam 500 mil milhões de euros por ano, desses cerca de 100 mil milhões são provenientes de lavagem de dinheiro.

O sucesso das apostas desportivas.

Com a explosão das apostas desportiva via Internet, a lavagem de dinheiro tornou-se mais fácil e quase impossível de detectar e controlar.

Existem atualmente mais de 15 000 sites de apostas desportivas, dos quais 85% são ilegais, isto é não têm qualquer legalidade em nenhum território. A grande maioria desses sites ilegais estão sediados na Ásia: Singapura, Tailândia, Hong Kong e China.

A maioria das apostas provêm do continente asiático (70%), culturalmente os chineses gostam de fazer apostas sobre tudo e mais alguma coisa, gostam de arriscar. Já nos países do sul da Europa as opostas recaem predominantemente sobre o clube favorito, enquanto que no países do norte da Europa, estas realizam-se mais sobre o prévio estudo estatístico dos jogos.

As apostas desportivas são feitas predominantemente nos jogos de futebol, 40%, sendo que na Ásia podem atingir mais de 80%.

Quem são os comenditários? Como circula o dinheiro? Como são corrompidos os jogadores? Neste tipo de apostas quais são as relações entre as máfias italianas e as tríades chinesas?

Fácil e lucrativo.

Quando se tem uma grande quantidade de dinheiro “sujo”, proveniente do tráfico de droga, prostituição ou armas, o objetivo é introduzi-lo na economia legal para o tornar “limpo”, mesmo que para isso se perca um pouco desse dinheiro.

Ora, com as apostas desportivas, não só essa lavagem se efetua facilmente, como também até se pode ganhar muito mais dinheiro do que o investido através da falsificação de resultados. Apostando por exemplo um milhão de euros numa equipa mais fraca, e que por essa razão tem uma cotação de 1 para 5 poderá ganhar com esse milhão investido 5 milhões.

O crime organizado tem assim à sua disposição, através das apostas desportivas na Internet, um meio relativamente fácil, pouco arriscado e com sanções mínimas, à sua disposição. Com a falsificação de resultados o ganho ainda é maior. É muito difícil provar se um jogador fez de propósito para deixar entrar um gol ou outro falhar um gol.

Difícil de controlar.

Para tentar detetar possíveis jogos ou resultados suspeitos, existem equipas especiais ligadas às polícias constituídas de traders e antigo bookmakers, que tentam analisar as cotas dos vários jogos e com a ajuda de programas informáticos detetar evoluções suspeitas. Este deteção é ainda mais difícil quando atualmente se podem fazer aposta em “live betting”, isto é no decorrer dos jogos. Durante um jogo de futebol de 90 minutos pode ser transacionado um volume de mais de mil milhões de euros.

Estes fluxos financeiros são extremamente voláteis e evoluem a cada minuto. Mesmo que existisse uma tentativa de uniformização européia legal das apostas desportivas online, o fluxo de dinheiro nos sites legais é ínfimo comparado com os dos sites ilegais.

Meios financeiros colossais, legislação inadaptada, facilidade de utilização, dificuldade em localizar a proveniência do dinheiro apostado, são algumas das razões do sucesso das apostas desportivas que ameaçam o espírito e a verdade desportiva.

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

Cabeças Pensantes atentem e vigiem : O Porque

O crime de terrorismo

 

10 de maio de 2013 | 2h 08

Ao aceitar sediar a Jornada Mundial da Juventude, a Copa das Confederações, a Copa do Mundo e a Olimpíada, o Brasil se comprometeu a adotar rígidas medidas no campo da segurança pública. Uma dessas medidas é a modernização da legislação penal.

 

Como a tramitação dos projetos de lei costuma ser lenta, a modernização da legislação penal deveria ter sido iniciada há muito tempo. Mas, como é rotineiro no País, essa providência não foi tomada em tempo hábil e o Legislativo agora corre para votar esses projetos antes que se iniciem os eventos. Por isso, a comissão mista do Congresso criada para consolidar a legislação penal decidiu dar prioridade ao tema de maior interesse dos organismos multilaterais: a tipificação do crime de terrorismo.

Relator da matéria, o deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) prometeu entregar seu parecer nesta semana. Ele propõe que a pena máxima aplicada a quem for condenado por crime de terrorismo seja de 30 anos – limite imposto pela Constituição. Em seu parecer, Teixeira não concede ao terrorista o regime de progressão da pena, regulado pela Lei de Execução Penal, que permite ao preso com bom comportamento passar do regime fechado para o semiaberto. Mas assegura a liberdade ao terrorista arrependido que colaborar com as investigações. “Como estímulo à colaboração em favor da sociedade, temos de isentar de pena o integrante de quadrilha que se arrepender, confessar e impedir que o crime ocorra, denunciando-o às autoridades”, diz Teixeira.

A maior dificuldade enfrentada pelo relator está, justamente, na definição do crime de terrorismo. Teixeira adotou a mesma tipificação prevista pelo projeto do novo Código Penal, que está em tramitação no Senado.

Segundo esse projeto, terrorista é quem “causa terror na população” mediante várias condutas ilícitas – como sequestrar ou manter alguém em cárcere privado; usar, transportar, guardar ou portar explosivos, gases tóxicos ou “outros meios capazes de causar danos ou promover destruição em massa”.

O projeto do novo Código Penal do Senado também classifica como crime de terrorismo incendiar, depredar, saquear ou invadir bens públicos ou propriedades privadas; interferir, e danificar sistemas de informática e bancos de dados; e sabotar o funcionamento ou apoderar-se do controle de bens de comunicação ou transporte, de portos, aeroportos, estações ferroviárias e rodoviárias, hospitais, casas de saúde, escolas, estádios esportivos, instalações públicas ou locais onde funcionem serviços essenciais, instalações de geração ou transmissão de energia e instalações militares.

Os autores do projeto do novo Código Penal tiveram o cuidado de detalhar as condutas que podem ser classificadas como terroristas, mas a definição é criticada por grupos de esquerda e vários partidos que integram a base aliada do governo no Congresso.

Eles alegam que uma tipificação detalhada do crime de terrorismo abre caminho para a criminalização dos movimentos sociais, permitindo com isso, por exemplo, que os participantes de invasões de propriedades rurais, lideradas pelo Movimento dos Sem-Terra, ou de edifícios urbanos, realizadas pelo Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto Urbanos, possam ser processados como terroristas.

A polêmica não é nova. Em 2002, o então deputado Robson Tuma apresentou um projeto que tipificava o terrorismo como “toda ação, individual ou coletiva, tendente a causar insegurança, pavor ou dano, com a finalidade de coagir alguém a praticar ou deixar de praticar determinados atos, ou, ainda, subverter a ordem política constituída”. Doze anos antes, a Lei 8.072 deixava de incluir o terrorismo na lista de crimes hediondos, embora o considerasse crime “insuscetível de anistia, graça, indulto, fiança e liberdade provisória”.

Nas últimas décadas, as nações desenvolvidas reformaram a legislação penal, tipificando o crime de terrorismo. Por causa da resistência dos movimentos sociais e dos partidos de esquerda, o Brasil até hoje não conseguiu modernizar seu direito penal.

Publicado maio 11, 2013 por heitordacosta em Os Criminosos

Etiquetado com

A Ordem das Cabeças Pensantes   1 comment

fora renan

Publicado fevereiro 20, 2013 por heitordacosta em Os Criminosos

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

Cabeças Pensantes atentem e vigiem       Prevenção contra as Maracutaias

Gurgel pede ao STF a apreensão de passaportes de condenados no mensalão

Com a medida, procurador-geral quer impedir que os réus deixem o País; pedido só será analisado na volta do relator Joaquim Barbosa, que viajou à Alemanha, dia 7 de novembro

 

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pediu nesta semana ao Supremo Tribunal Federal a apreensão dos passaportes dos condenados no processo do mensalão para evitar que os réus deixem o País, afirmou à Reuters uma fonte do STF nesta sexta-feira.

 

A análise do pedido cabe ao relator da ação penal, ministro Joaquim Barbosa, que viaja à Alemanha para um tratamento de saúde e não deve avaliar o pedido antes da viagem, dia 28, disse a fonte que pediu para não ser identificada.

 

Barbosa estará de volta ao País no dia 7 de novembro quando será retomado o julgamento do mensalão.

Se houver pedido de urgência, a avaliação caberá ao revisor do processo, ministro Ricardo Lewandowski. A tendência, segundo outra fonte do STF, é de que o pedido da Procuradoria-Geral da República seja acatado, já que a conclusão do processo – quando não restará mais possibilidade de recurso ou alteração do resultado – pode levar um ano.

 

O escândalo do chamado mensalão, um esquema em que parlamentares receberiam dinheiro em troca de apoio político ao governo no Congresso, foi deflagrado em 2005 no primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

—Pois é… Mais do que certa o pedido feito pelo Procurador geral da República

Roberto Gurgel. Sabemos que todo o larápio em fuga, tem os passos longos.

Publicado outubro 27, 2012 por heitordacosta em Os Criminosos

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

A Ordem das Cabeças Pensantes.

Publicado maio 8, 2012 por heitordacosta em Os Criminosos

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

Cabeças Pensantes atentem e vigiem

Publicado maio 8, 2012 por heitordacosta em Os Criminosos

A Ordem das Cabeças Pensantes   Leave a comment

451Fahrenheit451)

Publicado fevereiro 22, 2012 por heitordacosta em Os Criminosos