Cabeças Pensantes atentem e vigiem -Ensaio sobre solidão-   Leave a comment

        Foto-Heitor        Solidão       

 

 

 

Sabes, n’aquele momento eu queria lhe dizer que agora lá fora, a chuva parou. Os pássaros nos galhos das arvores secam as suas plumagens, enquanto eu, seco os marejos dos meus olhos.

Sabes, queria ter você aqui neste momento, mas não gostaria que me visse assim, não por pensares ser eu um fraco ao veres minhas lágrimas e sim triste, por saber que agora muitos neste exato momento choram neste mundo.

Sabes, como eles também, sinto outras dores, a da alma, do amor, da sua ausência, o seu olhar, a sua boca os seus doces lábios, do seu alegre sorriso a me dizer, te amo.

 

-Trecho do meu ensaio sobre solidão habitada-.

-Mais, muito mais,eternamente-.

Anúncios

Publicado abril 10, 2009 por heitordacosta em Reflexão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: