Arquivo para abril 2008

Cabeças Pensantes atentem e vigiem Latifundio parte ll   Leave a comment

 
 
 
 
             

Cabeças Pensantes atentem e vigiem

 

O Latifúndio a Igreja e as Leis  (parte ll)

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) ministro senhor Gilmar Mendes, em trecho do seu discurso proferido em sua posse nesta semana em Brasília enfatizou: “A agressão aos direitos de terceiros e da comunidade em geral deve ser repelida imediatamente com os instrumentos fornecidos pelo estado de direito, sem embaraços, sem tergiversações, sem leniências” e mais: “As ocupações já passaram dos limites constitucionais”.

-E AGORA JOSÉ, SERÁ VERO?

-Mais, muito mais, eternamente-.

 
 
 
 
 
                             

Publicado abril 26, 2008 por heitordacosta em Notícias e política

cabeças pensantes atentem e vigiem – O Latifundio   Leave a comment

 
 
 
                                           Cabeças Pensantes atentem e vigiem
 
                                      O Latifundio a Igreja
 
 
 
         

Cabeças Pensantes atentem e vigiem

O latifúndio, as leis, a Igreja.

Para combater a impunidade que privilegia e encobre a escalada das invasões e depredações dos bens públicos e privados pelos participantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), os parlamentares da bancada ruralista estão empenhados para aprovar um projeto de lei (PL), de autoria da senadora Kátia Abreu (DENTO) que pretende restringir o acesso ao campo.

A proposta estabelece que só tenha direito a Terra, trabalhadores rurais e profissionais de ciências agrárias, – técnico agrícola, engenheiro agrônomo e florestal e veterinário-, além dos filhos de agricultores.

Para serem inseridos no programa, os interessados terão que ter pelo menos cinco anos de experiência com atividade agropecuária.

Se o projeto for aprovado, grande parte da massa manipulada que nada entende de plantio, de Terra, irá engrossar o número de dependentes da BOLSA FAMÍLIA.

Por outro lado, o arcebispo emérito do Rio de Janeiro Dom Eugenio Sales, revelou recentemente os resultados obtidos pela iniciativa da arquidiocese de Natal com um projeto para o campo denominado “PUNAÚ é MODELO DE REFORMA AGRÁRIA”, onde foram beneficiadas 49 famílias e, dentre eles cinco imigrantes japoneses.

O sucesso dessa iniciativa vitoriosa é apoiado em uma assistência técnica e infra-estrutura, que garantem o êxito da produção agrícola. O cardeal observa: “Com o progresso da Humanidade, o cultivo do solo mudou profundamente. O tipo de agricultura, para alcançar bons resultados hoje, é diverso do passado recente”.

Para se ter uma idéia, o trabalho no campo hoje em dia é todo ele informatizado. A tecnologia – de ponta- é fator prepoderante, o maquinário moderno, além de climatizado-ar condicionado em seu interior-, tem todas suas funções computadorizadas. Como exemplo de sua capacidade produtiva, uma área que antes necessitava da presença de N pessoas para efetuar uma determinada colheita, hoje ela é feita em pouco tempo

A agricultura que não está adequada a essa realidade, não conseguirá obter bons resultados. Porém ele é um fator excludente, e essa situação precisa ser mais bem tratada.

Qualquer cidadão (?) que por falta de oportunidades, -imigrante do interior no grande centro urbano- pretenda retornar as suas origens na esperança de “ganhar” um pedaço de Terra, para ali de forma precária encontrar meios de sobrevivência, – agricultura familiar-, ou aqueles que politicamente de forma consciente ou até inconscientemente fazem parte desses movimentos “sociais”, terão suas pretensões rejeitadas pela aprovação da lei em tramite ou, excluídos pelo desenvolvimento tecnológico instalado no campo.

Então o que faremos com esse contingente excluído? Será a igreja com seu modelo a solução?

 – Mai, muiot mais, eternamente-. 

Publicado abril 25, 2008 por heitordacosta em Notícias e política

Cabeças Pensantes atentem e vigiem – As Vozes-   Leave a comment

 
 
 
                                    Cabeças Pensantes atentem e vigiem
 
                                     As Vozes
 
 
  

Cabeças Pensantes atentem e vigiem

As vozes

 

Os presidentes do clube da Aeronáutica, tenente-brigadeiro senhor Ivan Frota e, o presidente do Clube Militar, general de Exército senhor Gilberto de Figueiredo, saíram em defesa do comandante militar da Amazônia general, senhor Augusto Heleno.

O brigadeiro Frota disse que o discurso do general, senhor Augusto Heleno “REPRESENTA A SÍNTESE DO PENSAMENTO CASTRENSE ATUAL’. E mais,

“QUE O PRESIDENTE NÃO SE ATREVA A TENTAR NEGAR-LHE (AO general Heleno) O SAGRADO DEVER DE DEFENDER A SOBERANIA E INTEGRIDADE DO ESTADO BRASILEIRO”.

“CASO SE REALIZE TAL COAÇÃO, O PAÍS CONHECERÁ O MAIOR MOVIMENTO DE SOLIDARIEDADE, PARTINDO DE TODOS OS RECANTOS DESTE IMENSO PAÍS, JAMAIS OCORRIDOS NOS TEMPOS MODERNOS DE NOSSA HISTÓRIA”.

 

– A LUZ JÁ NÃO ESTÁ MAIS NO FIM DO TUNEL.-Mais, muito mais, eternam   

Publicado abril 19, 2008 por heitordacosta em Notícias e política

Cabeças Pensantes atentem e vigiem- A Raposa-   Leave a comment

 
 
                                        Cabeças Pensantes atente e vigiem
 
                                      A Caça a Raposa.
 
 
  

Cabeças Pensantes atentem e vigiem

A caça a Raposa

As declarações do general, senhor Augusto Heleno, proferidas no clube militar do Rio de janeiro, tiveram grande relevância e, o conteúdo abordado, causou uma preocupação nos círculos onde se encontram aqueles que se consideram senhores absolutamente intocáveis.

Para mim, ouvir as declarações de um ilustre e, respeitado comandante de uma instituição, parte ativa das Forças Armadas, última e soberana defensora de nossa Soberania, me faz entender que; nem tudo está perdido.

Em um país chamado BRASIL, vítima entre outros, de tentativas da implantação do plano de Dominação Mundial-por um conhecido país-, onde a verdade é distorcida instituindo-se a mentira como praxe, onde a malversação do dinheiro público é feita por aqueles que por princípio deveriam a eles dar o correto emprego, onde a moral e a ética, a família, a fé, as religiões, as crianças os idosos, as instituições e os poderes constituídos sofrem ataques, que buscam desestabilizar e desmoralizar suas estruturas, onde as insídias preparam caminhos para semear o caos, a desesperança, a desordem anarquia, para depois, concretizarem o nefasto plano.  

O surgimento no cenário atual-além de sua presença-, o general comandante senhor Augusto Heleno, com suas palavras firmes, – como a muito não se ouvia-, vem nos dar, aos HOMENS de BEM desse país, o alento, a esperança que não estamos sós. Talvez seja ele o start que estava-mós precisando, para fazer que esses que aí estão, pensem e saibam que HÁ AINDA LUZ NO FIM DO TUNEL.

-mais, muito mais, eternamente     

Publicado abril 19, 2008 por heitordacosta em Notícias e política

Conflitos em Raposa /Serra do Sol   Leave a comment

 Foto-Heitor  Cabeças Pensantes atentem e vigiem

                                                       Os conflitos em Raposa/Serra do Sol

 

Quartiero afirma que ação do governo Federal será desmascarada – 04/04/2008
Local: Boa Vista – RR
Fonte: Folha de Boa Vista
Link: http://www.folhabv.com.br/

A ação dos coordenadores da Operação Upatakon III que pretendem enquadrar o empresário e presidente da Associação dos Arrozeiros de Roraima, Paulo César Quartiero, por crime ambiental, sob a acusação de desmatar terra ilegalmente, desviar curso de rio e destruir mata ciliar nas fazendas deles, seria a maneira mais fácil para retirá-lo da área da Raposa/Serra do Sol.

Ao ser abordado a respeito deste assunto o empresário Quartiero afirmou que a ação do governo Federal, é uma tentativa de lhe desqualificar e uma maneira de tirá-lo da atividade.  Não me intimido com estes fatos e esta tentativa será desmascarada com certeza.

O presidente da Associação dos Arrozeiros esteve na manhã desta quinta na Assembléia Legislativa (ALE-RR), acompanhado do deputado federal Márcio Junqueira (DEM) e de empresários locais, para solicitar que os deputados estaduais assinassem o documento denominado Carta de Roraima.

Segundo matéria do Jornal O Globo na edição da última quarta-feira, um integrante do grupo que coordena a Operação Upatakon III, afirmou que será mais fácil pegar o empresário Quartiero por crime ambiental do que por invasão de terra indígena.

Entretanto no dia 27 de setembro de 2007 o empresário Paulo César Quartiero, comunicou ao senador Mozarildo Cavalcanti (PTB) no Plenarinho da ALE-RR e aos deputados da Comissão Especial Externa da Casa que, o governo Federal estaria ‘armando’, no sentido de acusar os arrozeiros de desastre ecológico para retirá-los da reserva indígena Raposa/Serra do Sol.

Na época, Quartiero disse aos parlamentares, como não conseguiu retirar as pessoas da área Raposa/Serra do Sol, o governo Federal estaria usando o ambientalismo para esta finalidade.

"Estão fabricando incidentes e desastres ecológico na região (Reserva Raposa/Serra do Sol) para que, os arrozeiros sejam responsabilizados pelo crime, e colocando os mesmos na mídia de forma a os execrar.  E com isso, conseguir o que eles querem que é lacrar nossas máquinas e, conseqüentemente, paralisar nosso plantio e nossa produção", disse o empresário.

Na avaliação do presidente da Associação dos Arrozeiros, é muito fácil cometer o desastre ecológico para incriminá-los.  "É só pegar uma pessoa que é contra a permanência dos empresários na reserva indígena, pega um litro com produto, joga na lagoa para matar os peixes e responsabilizar os arrozeiros pelo fato", comentou.

Repórter
O empresário Quartiero recebeu uma informação através de um repórter de Brasília, dando conta de que, o governo Federal pretende lacrar as máquinas dos arrozeiros, utilizando como pretexto a questão ambiental.  "Está se montando um teatro, para nos colocar como agressores do meio ambiente, e conseguir o que até hoje não conseguiram, que é paralisar a produção agrícola do Estado de Roraima", estacou.,,

 

-Mais, muito mais eternamente 

 

Publicado abril 4, 2008 por heitordacosta em Uncategorized

Cabeças Pensantes atentem e vigiem- Reflexões-   Leave a comment

  Foto-Heitor    Cabeças Pensantes atentem e vigiem
 
                                    Estórias
 
   

Hoje eu mostrarei para vocês duas estórias, uma enviada pela senhora Ana Rosa, – uma grande colaboradora-, cujo tema é o “Presente”. A outra, ouvida neste mundo de Deus por mim, chama-se “A Posse”.

 

Quando Deus criou Adão e Eva, disse aos dois:

-Tenho dois presentes para distribuir entre vocês, um é para fazer xixi em pé e…

Adão ansiosissímo, interrompeu, gritando:

-Eu! Eu! Eu! Eu quero, por favor… Senhor, por favor! Por favor! Por favor!

Eva olhando concordou e disse que essas coisas não tinham nenhuma importância para ela.

Então, Deus presenteou Adão.

Adão ficou maravilhado. Gritava de alegria, corria pelo jardim do Édem fazendo xixi em todas as árvores. Também correu pela praia fazendo desenhos na área com o seu xixi. Brincava de chafariz. Acendia uma fogueirinha e brincava de bombeiro…

Deus e Eva contemplavam o homem louco de felicidade, até que Eva perguntou a Deus:

-Senhor qual é o outro presente?

Deus respondeu:

-Cérebro, Eva, cérebro.

 

Em périplo pelas áreas do deserto do Saara, um excêntrico aventureiro, dono de uma fortuna incalculável, com sua caravana buscavam novas aventuras.

Após alguns dias de caminhada, a caravana parou em Oasis. No lusco-fusco do fim da tarde, resolveu ele caminhar em derredor do acampamento. Ao se aproximar de um poço, ouviu ele pedidos de socorro vindo de uma voz fraca.

Embora fosse ele um homem dono de uma grande riqueza, sabia da importância das palavras, e essa, era um mantra muito forte no Universo para ser ignorada, não podia deixar de ser atendida.

Procurando entre a vegetação rasteira, próxima do poço, descobriu de onde vinha aquele desesperado pedido, e ao avistar o lugar, tão grande foi sua surpresa ao ver uma grande serpente-Naja-, gravemente ferida.

Então ele lhe perguntou o que tinha acontecido, e ela com dificuldade contou: – fui atacada por um enorme gavião. Lutei muito para sobreviver. Agora preciso que você me ajude. Estou sofrendo há dias, e acho que não suportarei mais um.

 Por isso eu lhe imploro não me deixe aqui, ajude-me, eu lhe serei cativa pelo resto da vida. Eu serei fiel, eu lhe darei muita fama, amor, carinho, dedicação, mas, por favor, socorra-me, não me deixes morrer aqui.

Enquanto a serpente lhe suplicava ajuda, o aventureiro percebeu que ela estava gravemente ferida. Observara também ser ela muita bonita, e decidiu ajudá-la.

Através do seu celular, solicitou o deslocamento do seu helicóptero-cuja missão era dar apoio a caravana-, e nele viajaram para um importante serpentário em Los Angeles, – um avançado centro de experiências e pesquisas em ofídios.

Graças ao excelente tratamento em curto espaço de tempo, estava totalmente recuperada, e sua exuberante beleza a todos encantava.

Feliz, seu salvador e agora dono, exibia-a como um valioso troféu aos seus amigos. Todos encantados com  a beleza e a elegância do seu serpentear pelo chão da imensa sala do seu apartamento. Vaidoso dizia aos seus amigos; ela é minha melhor amiga  

Passou o tempo. Certo dia o aventureiro estava recostado em sua chaise long quando, rápido igual a um relâmpago a serpente Naja num bote certeiro ataca aquele que dela se julgava dono.

Surpreso e imobilizado ele observa decepcionado: – porque estás fazendo isso comigo? Eu salvei sua vida, eu lhe dei conforto, fama, recuperei sua beleza, por quê?

E ela lhe respondeu: – Esqueceu da minha origem, que eu sou uma cobra.

 – Mais, muito mais, eternamente-.

         

Publicado abril 3, 2008 por heitordacosta em Passatempos

Cabeças Pnsantes atentem e vigiem- AS Autoridades-   Leave a comment

        
 
        Foto-Heitor                Cabeças Pensantes atentem e vigiem
 
                                                  Ainda é tempo de se informar
 
        
                 97B1185F5646A48C8EA541C1CC91
 
 
              

 


Dengue

Mal é transmitido pelo vírus Flaviviridae. Doença tem altas chances de cura, mas pode matar. Já é considerada, no Brasil, uma epidemia.


Histórico

Os primeiros registros de dengue no mundo foram feitos no fim do século XVIII, no Sudoeste Asiático, em Java, e nos Estados Unidos, na Filadélfia. Mas a Organização Mundial de Saúde (OMS) só a reconheceu como doença neste século.


Mosquito
A origem do Aedes aegypti, inseto transmissor da doença ao homem, é africana. Na verdade, quem contamina é fêmea, pois o macho apenas se alimenta de seivas de plantas. A fêmea precisa de uma substância do sangue (a albumina) para completar o processo de amadurecimento de seus ovos. O mosquito apenas transmite a doença, mas não sofre seus efeitos.

 


Dengue: doença fingida

Por não ter sintomas específicos, a doença pode ser confundida com várias outras, como leptospirose, sarampo, rubéola. São doenças que provocam febre, prostração, dor de cabeça e dores musculares generalizadas. Um médico consegue, por exames em laboratório, definir a doença e tratá-la corretamente.

O desenvolvimento da doença

 

(1). O mosquito infectado pica o homem.

(2). O vírus se dissemina pelo sangue.

(3). Um dos locais preferidos do vírus para se instalar no corpo humano é o tecido que envolve os vasos sangüíneos, chamado retículo-endotelial.

(4). A multiplicação do vírus sobre o tecido que provoca a inflamação dos vasos. O sangue, com isso, circula mais lentamente.

(5). Como a circulação fica mais lenta, é comum que os líquidos do sangue extravasem dos vasos. O sangue torna-se mais espesso.

(6). O sangue, mais espesso, pode coagular dentro dos vasos provocando trombos (entupimentos). Além disso, a circulação lenta prejudica a oxigenação e nutrição ideal dos órgãos.

(7). Com o tempo, se não houver tratamento específico, pode haver um choque circulatório. O sangue deixa de circular, os órgãos ficam prejudicados e podem parar de funcionar. Isso leva à morte.


Febre hemorrágica

Em função da inflamação dos vasos (por causa da instalação dos vírus no tecido que os envolve), há um consumo exagerado de plaquetas, pequenos soldados que trabalham contra as doenças. A falta de plaquetas interfere na homeostase do corpo – capacidade de controlar espontaneamente o fluxo de sangue. O organismo passa a apresentar uma forte tendência a ter hemorragias.

Pode ocorrer:
1 – Se a pessoa tem dengue pela segunda vez (outro tipo de vírus), pode contrair a hemorrágica.
2 – Há quatro sorotipos diferentes de dengue. Um deles, o den2, é o mais intenso. Este tipo pode evoluir para a dengue hemorrágica.
3 – Combinação da seqüência de doença, da força do vírus e da suscetibilidade da pessoa. Se for alguém com Aids, por exemplo, a doença oferece mais riscos.

Conselhos:
Para controlar a febre hemorrágica, aconselha-se tomar muito líquido e evitar medicamentos a base se ácido acetilsalicílico, como Aspirina ou Melhoral.


A dengue e o tempo

O vírus da dengue precisa de tempo para se manifestar no homem ou mesmo para infectar o mosquito transmissor.

A idade ideal do mosquito para transmitir a doença é a partir do 30º dia de vida. O Aedes tem um ciclo total de 45 dias.

Uma vez contaminado, o homem demora entre 2 e 15 dias para sentir os sintomas da doença.

Há um período para que o mosquito se contamine ao picar um homem. Vai desde o dia anterior à febre até seis dias depois desta. Fora desse tempo, o mosquito pica e não se contamina.

Depois de picar o homem, só depois de oito dias o Aedes consegue contaminar outro homem.

Sintomas


99% dos infectados têm febre, que dura cerca de sete dias. Pode ser branda ou muito alta, dependendo do indivíduo e da força do vírus, da virulência.

25% apresentam manchas vermelhas em todo o corpo, as chamadas exantemas. Como o vírus se instala também próximo aos vasos, é comum estes inflamarem e ficarem evidentes na pele.

50% têm prostração, indisposição.

60% têm dor de cabeça.
50% têm dor atrás do olho.


Imunidade

O homem só desenvolve imunidade permanente para o tipo de vírus que contraiu. A doença pode reincidir com outro sorotipo. Essa repetição é a que oferece perigo para a hemorrágica.

Texto e imagens
Correio Braziliense


Hospital Santa Lúcia
SHLS Quadra 716, conj.C
70.390-700 Brasília-DF – Brasil

     Tel: (061) 445 0000

 

 

  -Mais, muio mais, eternamente-.


 
 

 
 
 
 

Publicado abril 2, 2008 por heitordacosta em Saúde e bem-estar